A luta entre o bem e o mal… em South Park

jesus satan

Jesus e o Satã são personagens que andam normalmente pela cidade, no desenho South Park. Jesus é um sujeito bem magrinho, pacífico, bata branca e barba. Já Satã tem o dobro do tamanho dos outros, é vermelho, tem um peitoral enorme. Um dia, por um motivo qualquer, os dois decidem se enfrentar de uma vez, num ringue de boxe. Os dois tem semanas para se preparar, e elas são acompanhadas pela cidade toda e pela imprensa mundial. Jesus, pacífico, magrelo, se revela aquele tipo que sofre pra erguer qualquer pesinho, não tem muita coordenação, e seu excesso de bondade faz com que ele não consiga ser intimidante. Por outro lado, Satã faz constante exibições de força, levanta peso com facilidade, destrói, fica cada vez mais forte. Não tem como olhar aqueles dois e achar que Jesus tem alguma chance. O mundo inteiro começa a apostar, e do cara da vizinhança ao pastor, todo mundo aposta que Satã vai vencer. Todas as pessoas na Terra apostam em Satã, apenas uma pessoa aposta na vitória de Jesus. Finalmente chega o dia da luta, e Jesus todo magrelo sobe no ringue, Satã fortão sobe também, transmissão ao vivo. Os dois se posicionam para a luta e Jesus dá um soquinho em Satã, praticamente encosta de leve, e Satã se joga no chão como que inconsciente e fica lá até terminarem os dez segundos e Jesus ganhar por nocaute. Todos ficam indignados, porque obviamente que aquele soquinho não foi nada, Satã se jogou no chão e fingiu. Aí que se revela: Satã foi aquele único sujeito que apostou que Jesus ia ganhar. Ele ganhou uma bolada e ainda jogou na cara – quem mandou duvidar que o Bem sempre vence o Mal?

Anúncios