Curtas workaholics

Seinfeld-lead

Há poucos dias eu descobri minha droga. As drogas que tinham chegado perto de mim até agora foram álcool, cigarro e maconha, e nenhum deles tinha feito a minha cabeça, nem para experimentar. Apenas agora entendi o motivo: elas são sociais e te deixam relaxado. Não estou nem aí para grupos, pouco me importa. Também não gosto da ideia de ficar muito louca, eufórica, perder o controle. Tomei um ginseng limpinho de farmácia e adorei a sensação de passar o dia inteiro produtiva. Eu pensava e fazia, concentrada, sem me arrastar durante meu período improdutivo à tarde. Como boa workaholic, o que me seduz é produzir sem parar. Minha droga seria anfetamina.

.oOo.

Eu devo ter visto todo material sobre o Seinfeld na Netflix, e quanto mais conheço o lado não gostável dele, mais eu gosto. Eu fala várias vezes que ele não era popular e nem foi fazer amigos. Que não pensa em se aposentar, que ele é como um castor – lance do castor é fazer diques, então ele faz diques ad infinitum. Num dos documentários ele conta que, na adolescência, ele queria ser um comediante e escrevia as piadas de vez em quando, de acordo com a inspiração. Um dia, viu uns trabalhadores de construção civil voltarem ao trabalho depois do almoço. Claro que não dava vontade de voltar. Mas se eles, que estavam trabalhando por necessidade voltavam, quem pretendia trabalhar naquilo que ama também precisava se dedicar. Então ele passou a escrever todo dia.

.oOo.

Estou dormindo bem, com a casa em ordem, as atividades em ordem, toda vitaminada. Agora tenho mais vitalidade para atender um telefonema demorado, posso passar no supermercado que fica longe, escolher com mais critério o que visto e bolar novas combinações. Terminei alguns livros, readquiri a capacidade de ver uma série sem interromper minuto à minuto. Realizei umas proezas físicas. A lista de tarefas a se fazer, que parecia interminável, agora está em dia. O tempo fora de casa não é mais meu inimigo e posso me dar ao luxo de fazer aos poucos. Mas que vazio imenso é não estar envolvida com nenhum grande projeto de escrita.

Anúncios