Mundo bizarro

Minha versão no mundo bizarro gosta muito de sapatos. De bico fico e saltos altíssimos, de preferência. Sua longa produção inclui maquiagem impecável, horas no salão, obsessão por espelhos e roupas que mostrem o corpo e a deixem sensual. Basta olhar alguma das suas muitas fotos – auto-fotos, de biquini, com ar blasé, com chapéu, sem chapéu, etc – pra perceber. Porque ela se sente lisonjeada com os olhares masculinos, ao invés de se intimidar ou até mesmo se ofender como eu. Meu eu-bizarro teria uma longa lista de ex ficantes, namorados e cachos porque é capaz de separar sexo e amor. Seu único problema nesse quesito é adorar uma DR…

Ela é uma pessoa muito legal e popular. Gosta de fazer novos amigos, reencontrar os antigos e é bastante ligada na família. Tem coração de mãe e perdoa com facilidade. Como conseqüência, sua agenda é bastante movimentada e ela é figurinha fácil na vida noturna da cidade. Ela adora falar no telefone e é uma excelente companhia pra tomar um chopp. Talvez seja porque ela é uma pessoa muito segura, daquelas que nunca coloca em dúvida o valor que tem para si e para os outros. Acolhedora, gosta de receber os amigos e cozinhar para eles; sempre coisas sofisticadas, daquelas que demoram horas para serem feitas e ficam ruins se certos segredos forem deixados de lado.

No que diz respeito à vida profissional, ela sempre trabalhou. Às vezes em trabalhos mal remunerados, alguns bem entediantes, sempre na sua área. Aguentou chefes chatos, colegas de trabalho invejosos, engoliu muitos sapos, mas sempre teve diante de si um claro objetivo: ser a melhor no que faz. Se o preço a pagar for diminuir o convívio com a família ou ficar sem finais de semana, tudo bem – ela pensa à longo prazo. Porque seu sonho sempre foi ser uma grande… uma grande… Paro por aqui, porque já não sei dizer quem é o bizarro de quem.
Anúncios

6 comentários sobre “Mundo bizarro

Os comentários estão desativados.