Uma tarde no Estação

Eu poderia dizer que ontem aconteceu o II Orkontro-Curitiba. Não coloco isso porque eu não vejo as coisas dessa maneira. Desde a última visita do Walter ele é, pra mim, um amigo que vive em Aracaju. E com a possibilidade de ele vir morar em Curitiba, talvez em breve ele tenha apenas a alcunha de amigo.

A mãe dele vive relativamente perto daqui. Pegamos ônibus juntos e fomos ao Estação, que estava agradabilíssimo – fresquinho e tranqüilo. Em pouco tempo demos a volta por todo o Shopping porque, como qualquer homem hetero, o Walter não se detém muito diante de vitrines. Fomos ao imperdível Museu do Perfume e ouvimos a propaganda do Lifeboey com a transpiração, o seu corpo exala um odor desagradável, que você não percebe, mas os outros sim! Ele conheceu o meu lado gulosa ao me ver tomar 700 ml de milk-shake de Ovomaltine, após provar do dele. Eu o vi fazer a compra mais rápida da minha vida – ele gostou da camiseta da vitrine, provou e levou.

Sempre tenho a impressão de que sou muito mais popular fora de Curitiba. Aqui, conheço muitas pessoas e, ao mesmo tempo, é difícil encontrar com elas fora do local que freqüentamos juntos. Digo isso porque ontem desejei dividir a companhia do Walter com alguém… tal como a Flávia fez quando estive em São Paulo. Fazer com que ele tivesse mais amigos aqui, porque é muito fácil ser amiga do Walter. Sabe aquela pessoa com quem se pode conversar sobre tudo? Inteligente, sensível, divertido, modesto. Seria um programão sair com o Walter e uma turma. Tenho certeza de que todos iriam adorá-lo. Será que sou eu que sou incapaz nas minhas amizades em Curitiba, ou os nativos que são incapazes de se misturar?

Seja como for (pelo menos no caso do Walter), esse pessoal não sabe o que está perdendo.

Anúncios

2 comentários sobre “Uma tarde no Estação

  1. Assistir àquela propaganda do Lifeboey foi impagável! E aquela parte em que o locutor fala: “Será que ele foi embora porque seu desodorante não passa das seis horas?!” Muito hilário :pAdorei nosso segundo orkontro, ou como vc disse, nosso segundo encontro entre amigos que moram longe.Beijão Nanda e um ótimo 2006 pra vc!

    Curtir

Os comentários estão desativados.